Trabalhar na Nova Zelândia

Trabalhar na Nova Zelândia

Existem várias maneiras de se poder trabalhar na Nova Zelândia.

  • Com Visto de Estudante
  • Visto de Trabalho Pós-Estudos
  • Visto de Trabalho por oferta de emprego (Sponsor)
  • Working Holiday Visa (Visto de Trabalho em Férias)
  • Por processo de Pontos para Residência
  • Como Refugiado
  • Entre outros.

Primeiros passos para se Trabalhar na Nova Zelândia

Ter uma permissão legal de trabalho, seja por estudo, empregador ou cônjuge.

Após ter garantido sua permissão de trabalho, para trabalhar na Nova Zelândia você precisa emitir um documento chamado IRD - Inland Tax Revenue, que é um número de cadastro parecido com o CPF do Brasil, o qual será usado pelo empregador para descontar os impostos sobre seu salário.

Você só consegue solicitar o IRD com uma conta bancária, pois no formulário de solicitação do IRD eles pedem para informar a conta que você irá receber seus salários.

Portanto, a primeira coisa a fazer é abrir a conta no banco e com os dados da conta, solicitar o IRD.

Ambos podem ser solicitados online, tanto abertura da conta como o IRD.

Trabalhar na Nova Zelândia como Estudante

Existem diferentes regras para se poder trabalhar na Nova Zelândia como estudante, vai depender do tipo de curso e categoria da escola.

Escolas de Inglês de "Categoria 1" da NZQA - New Zealand Qualifications Authority

As escolas de inglês na Nova Zelândia são classificadas entre Categoria 1 a 4, sendo as de Categoria 1 as de melhor qualidade.

Alunos matriculados em escolas de inglês de Categoria 1, por um período de 14 semanas ou mais, em um curso fulltime (mínimo 20h/aula por semana), tem permissão de trabalho em seu visto de estudante, por até 20h por semana durante o curso.

Escolas de "Categoria 2" da NZQA - New Zealand Qualifications Authority

As escolas de inglês de Categoria 2 da NZQA também dão permissão de trabalho, desde que o estudante se matricule em um curso fulltime (mínimo 20h/aula por semana), por no mínimo 6 meses de duração e apresente o certificado do teste IELTS 5.0 antes do início das aulas.

Trabalhar na Nova Zelândia em Cursos Técnicos, Certificado, Diploma, Graduação ou Pós-graduação

Nos cursos de Certificado, que tiverem 120 créditos, os estudantes tem permissão de trabalho de 20h por semana durante o curso e 40h por semana nas férias.

Estudantes dos Cursos de Diploma, Graduação e Pós-graduação, tem permissão de trabalho de 20h por semana durante o curso e 40h por semana durante as férias do curso.

Os cursos de Diploma são de Nível 5, 6 e 7.

Graduação está no Nível 7, Pós-Graduação no Nível 8, Mestrado é Nível 9 e Doutorado é o Nível 10.

Visto de Trabalho Pós-Estudos na Nova Zelândia

Ao término de um Diploma Nível 7 ou inferior, caso este esteja na "Green List" (profissões em demanda pelo Governo) ele terá direito a 1 ano de visto de trabalho aberto.

Ao concluir um Mestrado ou Doutorado, o estudante terá direito a 3 anos de visto de trabalho pós-estudos.

Accredited Employer Work Visa

Haverá um caminho para os alunos solicitarem o novo Visto de Trabalho de Empregador Credenciado, desde que o aluno tenha as qualificações e experiência necessárias para o trabalho e seja pago pelo salário médio ou acima (atualmente $ 27,76 por hora; essa taxa muda anualmente).

Working Holiday Visa Nova Zelândia ou Visto de Trabalho em Férias

Working Holiday Visa é um visto de trabalho temporário de 1 ano, concedido em acordo bilateral entre os Governos da Nova Zelândia e Brasil. São concedidos 300 vistos por ano de ambos os lados.

Saiba mais aqui.

Trabalhar na Nova Zelândia com Work Visa (Visto de Trabalho)

Para se aplicar para um visto de trabalho é necessário que o candidato tenha uma "job offer" (carta de oferta de trabalho) de uma empresa ou empregador da Nova Zelândia.

É necessário que o aplicante tenha experiência na função e que se comprove que o empregador não encontrou um cidadão da Nova Zelândia, para realizar a função descrita na vaga.

Para mais informações sobre este visto visite: www.immigration.govt.nz/migrant/stream/work/

Impostos

Você precisará recolher impostos ao trabalhar na Nova Zelândia, os impostos são retidos na fonte e as alíquotas variam de acordo com a sua classe de imposto, você pode ter uma ideia dos impostos na calculadora do site Money Hub.

Tax Refund ou Restituição de Impostos

Muitos trabalhadores na Nova Zelândia, tem direito a restituição dos impostos recolhidos.

Todo mês de abril, os contribuintes da Nova Zelândia são notificados pelo IRD de que o tempo de reembolso de impostos está se aproximando. Todos os anos, as restituições de impostos são calculadas em maio e junho e depois pagas em julho diretamente nas contas bancárias.

O IRD atualizou seus sistemas on-line para facilitar muito a solicitação de reembolso de impostos, o que significa que você não precisa de uma empresa de reembolso de impostos para fazer isso por você. Este guia descreve uma seleção de capturas de tela para destacar o que está envolvido (spoiler: você só precisa clicar em algumas caixas).

O site do IRD é o https://www.ird.govt.nz/ e você pode obter mais informações no site Money Hub.